• Naiara Fracaroli

Alta dos preços dos combustíveis

Em entrevista concedida à TV Tem, afiliada da Rede Globo, a economista Naiara Fracaroli explica que a alta nos preços dos combustíveis está diretamente relacionada ao aumento da cotação do petróleo no mercado internacional, bem como a alta valorização do dólar que continua alto desde 2020, pressionado sobretudo pela pandemia global.

Isso porque a política de preços da Petrobrás é o PPI - Preço de Paridade de Importação.


Basicamente, essa política estabelece que os preços no mercado interno serão os mesmos se esse bem fosse importado, considerando, portanto, a média da variação internacional do barril do petróleo, das cotações do dólar, dos custos de transporte e margens de lucro mínimas. Por esse motivo, sempre que o valor internacional do petróleo ou o câmbio variar, os preços no mercado interno também variarão.


Dados do IPCA 15 mostram que nos últimos 12 meses (até agosto de 2021) os aumentos foram:
  • Gás botijão = 31%

  • Gás encanado 15%

  • Gasolina = 39%

  • Etanol = 53%

Fonte: Sidra/IBGE

Se não houver aumento na produção de petróleo pelos países produtores reduzindo a cotação da comodities, os preços continuarão elevados. A única melhoria nos preços se daria em redução de impostos.


Já foi aplicada isenções e reduções de alíquotas de PIS e COFINS pelo governo federal tanto nos combustíveis, quanto no gás de cozinha. Já o ICMS vem sendo pauta de discussões entre o presidente Jair Bolsonaro e os governadores.


O presidente encaminhou ao Congresso um projeto para mudanças no cálculo do ICMS em fevereiro desse ano que poderia reduzir o imposto. O percentual cobrado do ICMS não alterou, mas com o aumento do preço, esse recolhimento final tem sido maior para os estados.


A redução do ICMS é muito importante neste momento e irá reduzir parte do preço. Contudo, não resolve todo o problema, já que a oferta de petróleo é que deve aumentar frente a demanda internacional.

A estabilidade econômica do país, o que inclui acerto das contas públicas, também é fundamental para a valorização do real frente ao dólar.


Economista Naiara Fracaroli

Sócia/Consultora da Fabri Consultoria e ministrante da Fabri Academy


283 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo